quarta 16 abril 2014 . 14:56 . Atualizado às 14:34

Cine SET

Just another Blogs D24am weblog

RSS
Cine SET » Sem categoria

Análise – Indicações ao Globo de Ouro 2014

Corrida ao Oscar começa a se desenhar com briga entre “12 Years a Slave” e “Trapaça”. “Gravidade” e “O Lobo de Wall Street” perdem força. “Breaking Bad” promete ser o grande vencedor na televisão.

A Associação da Imprensa Estrangeira de Hollywood (HFPA) divulgou a lista dos candidatos ao Globo de Ouro de 2014 nesta quinta-feira (12). A nomeação aconteceu em uma semana agitada depois da publicação dos preferidos dos críticos de cinema das principais cidades dos EUA (Nova York, Los Angeles, Boston, San Diego) e do anúncio dos candidatos ao prêmio do Sindicato dos Atores Americanos (SAG).

O período abre definitivamente a corrida ao Oscar 2014. E os favoritos começam a surgir.

Pelo número de indicações no Globo de Ouro, “12 Years a Slave” e “Trapaça” mostram força. Ambas com sete nomeações, as obras se destacaram tanto nas categorias de direção quanto atuação. Já “Gravidade” parece perder força após o sucesso de bilheteria no mundo inteiro. Mesmo com a condução brilhante de Alfonso Cuarón, a ficção científica se ressente de um roteiro mais forte, o que enfraquece a obra nessa temporada de premiações. Para piorar, Sandra Bullock não terá chances na categoria de atriz com o favoritismo absoluto de Cate Blanchett por “Blue Jasmine”. Restará os justos prêmios técnicos

Com “Trapaça” forte na disputa, “O Lobo de Wall Street” deve também fazer figuração no Globo de Ouro. Leonardo DiCaprio surge como a única esperança do filme em conseguir um prêmio na categoria de melhor ator em comédia. O problema será os adversários, pois, Bruce Dern em “Nebraska” e Joaquin Phoenix por “Ela” são favoritos.

De novo, novamente, mais uma vez!

Meryl Streep está indicada ao Globo de Ouro pela 26ª vez na carreira. Ela concorre pela comédia dramática “Álbum de Família”. O longa perdeu força na lista da imprensa estrangeira de Hollywood, porém, a atriz nunca acaba esquecida em premiações. Sai como favorita, porém, terá páreo duríssimo pela frente com Julie Delpy em “Antes da Meia-Noite”, Greta Gerwig por “Frances Ha” e Julia Louis-Dreyfus por “À Procura do Amor”.

Esnobado pela comissão francesa para selecionar o indicado do país ao Oscar, “Azul é a Cor Mais Quente” é o grande favorito da categoria de Melhor Filme Estrangeiro no Globo de Ouro. Poderá ser a forma de Hollywood recompensar o vencedor da Palma de Ouro do Festival de Cannes caso não consiga espaço na maior premiação do cinema americano.

Acima de tudo, o grande destaque das indicações fica por conta da categoria de Melhor Diretor. Nada de figurões como Ang Lee, Steven Spielberg, Martin Scorsese ou Quentin Tarantino. Agora, é a vez de cineastas com um bom currículo recente. Steve McQueen (“12 Years a Slave”) e David O. Russell (“Trapaça”) chegam fortes para bater o mexicano Alfonso Cuarón e seus espetaculares planos-sequências (“Gravidade”).

Para finalizar sobre cinema, muito legal ver o reconhecimento à grande fase de Matthew McConaughey, as indicações de Barkhad Abdi (“Capitão Phillips) e Daniel Bruhl (“Rush”) e a ausência de Oprah Winfrey (“O Mordomo da Casa Branca”).

Já na televisão, “Breaking Bad” é o grande favorito. Mesmo com a força de “House of Cards”, não há como negar que Mr. White dominou o ano e encerrou com chave de ouro uma das melhores séries de todos os tempos. Hora de consagrar Bryan Cranston e Vince Gilligan. Surpreende as exclusões de “Mad Men” e “Homeland” em série dramáticas e a indicação de Michael J. Fox para melhor ator de série cômica.

A cerimônia do Globo de Ouro acontece no dia 12 de janeiro e vai homenagear Woody Allen com o prêmio Cecil B. DeMille.

VAMOS AOS INDICADOS:

CINEMA

Melhor Filme – Drama

12 Years a Slave (favorito)

Capitão Phillips

Gravidade

Philomena

Rush – No Limite da Emoção

Melhor Filme – Comédia ou Musical

Trapaça (favorito)

Ela

Inside Llewyn Davis – Balada de um Homem Comum

Nebraska

O Lobo de Wall Street

Melhor Direção

Alfonso Cuarón, por Gravidade

Paul Greengrass, por Capitão Phillips

Steve McQueen, por 12 Years a Slave (favorito)

Alexander Payne, por Nebraska

David O. Russell, por Trapaça

Melhor Atriz – Drama

Cate Blanchett, por Blue Jasmine (favorita)

Sandra Bullock, por Gravidade

Judi Dench, por Philomena

Emma Thompson, por Walt nos Bastidores de Mary Poppins

Kate Winslet, por Refém da Paixão

Melhor Ator – Drama

Chiwetel Ejiofor, por 12 Years A Slave

Idris Elba, por Mandela: Long Walk To Freedom

Tom Hanks, por Capitão Phillips

Matthew McConaughey, por Dallas Buyers Club

Robert Redford, por All Is Lost (favorito)

Melhor Atriz – Comédia

Amy Adams, por Trapaça

Julia Delpy, por Antes da Meia-Noite

Greta Gerwig, por Frances Ha

Julia Louis-Dreyfus, por À Procura do Amor

Meryl Streep, por Álbum de Família (favorita)

Melhor Ator – Comédia

Christian Bale, por Trapaça

Bruce Dern, por Nebraska (favorito)

Leonardo DiCaprio, por O Lobo de Wall Street

Oscar Isaac, por Inside Llewyn Davis – A Balada de um Homem Comum

Joaquin Phoenix, por Ela

Melhor Atriz Coadjuvante

Sally Hawkins, por Blue Jasmine

Jennifer Lawrence, por Trapaça

Lupita N’yongo, por 12 Years a Slave (favorita)

Julia Roberts, por Álbum de Família

June Squibb, por Nebraska

Melhor Ator Coadjuvante

Barkhad Abdi, por Capitão Phillips

Daniel Brühl, por Rush – No Limited a Emoção

Bradley Cooper, por Trapaça

Michael Fassbender, por 12 Years a Slave

Jared Leto, por Dallas Buyers Club (favorito)

Melhor Roteiro

Spike Jonze, por Ela

Bob Nelson, por Nebraska

Jeff Pope e Steve Coogan, por Philomena

John Ridley, por 12 Years A Slave (favorito)

Eric Warren Singer e David O. Russell, por Trapaça

Melhor Filme Estrangeiro

Azul É A Cor Mais Quente (favorito)

A Grande Beleza

A Caça

O Passado

The Wind Rises

Melhor Animação

Os Croods

Frozen – Uma Aventura Congelante (favorito)

Meu Malvado Favorito 2

Melhor Trilha Sonora Instrumental

Alex Ebert, por All Is Lost

Alex Heffes, por Mandela: Long Walk To Freedom

Steven Price, por Gravidade

John Williams, por A Menina Que Roubava Livros

Hans Zimmer, por 12 Years A Slave

Melhor Canção Original

“Atlas” – Coldplay, para Jogos Vorazes: Em Chamas

“Let It Go” – Idina Menzel, para Frozen: Uma Aventura Congelante

“Ordinary Love” – U2, para Mandela: Long Walk To Freedom

“Please Mr. Kennedy” – Justin Timberlake, para Inside Llewyn Davis – Balada de um Homem Comum

“Sweeter Than Fiction” – Taylor Swift, para One Chance

TV

Melhor série de TV – Drama

“Breaking bad”

“Downton Abbey”

“The good wife”

“House of cards”

“Masters of sex”

Melhor ator em série de TV – Drama

Bryan Cranston, de “Breaking bad”

Liev Schreiber, de “Ray Donovan”

Michael Sheen, de “Masters of sex”

Kevin Spacey, de “House of cards”

James Spader, de “The blacklist”

Melhor atriz em série de TV – Drama

Julianna Margulies, de “The good wife”

Tatiana Maslany, de “Orphan black”

Taylor Schilling, de “Orange is the new black”

Kerry Washington, de “Scandal”

Robin Wright, de “House of cards”

Melhor série de TV – Musical ou comédia

“The big bang theory”

“Brooklyn Nine-Nine”

“Girls”

“Modern family”

“Parks and recreation”

Melhor ator em série TV – Comédia ou musical

Jason Bateman, de “Arrested development”

Don Cheadle, de “House of lies”

Michael J. Fox, de “The Michael J. Fox Show”

Jim Parsons, de “The big bang theory”

Andy Samberg, de “Brooklyn Nine-Nine”

Melhor atriz em série de TV – Comédia ou musical

Zooey Deschanel, de “New girl”

Edie Falco, de “Nurse Jackie”

Lena Dunham, de “Girls”

Julia Louis Dreyfus, de “Veep”

Amy Poehler, de “Parks and recreation”

Melhor minissérie ou filme para TV

“American horror story: Coven”

“Behind the candelabra”

“Dancing on the edge”

“Top of the lake”

“White queen”

Melhor ator em minissérie ou filme para a TV

Matt Damon, de “Behind the candelabra”

Michael Douglas, de “Behind the candelabra”

Chiwetel Ejiofor, de “Dancing on the edge”

Idris Elba, de “Luther”

Al Pacino, de “Phil Spector”

Melhor atriz em minissérie ou filme para a TV

Helena Bonham Carter, de “Burton and Taylor”

Rebecca Ferguson, de “White queen”

Jessica Lange, de “American horror story: Coven”

Helen Mirren, de “Phil Spector”

Elisabeth Moss, de “Top of the lake”

Melhor atriz coadjuvante em série, minissérie ou filme para TV

Jacqueline Bisset, de “Dancing on the edge”

Janet McTeer, de “White queen”

Hayden Panattiere, de “Nashville”

Monica Potter, de “Parenthood”

Sofia Vergara, de “Modern family”

Melhor ator coadjuvante em série, minissérie ou filme para a TV

Josh Charles, de “The good wife”

Rob Lowe, de “Behind the candelabra”

Aaron Paul, de “Breaking bad”

Corey Stoll, de “House of cards”

John Voight, de “Ray Donovan”

===============================================================================================

Siga o Cine Set no TwitterFacebook!

Deixe uma resposta

Serão rejeitadas mensagens que desrespeitem a lei, apresentem linguagem ou material obsceno ou ofensivo, sejam de origem duvidosa, tenham finalidade comercial ou não se enquadrem no contexto do d24am.com. A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores.

perfildoautor

Os blogs de D24am