Artigos

LEANDRO MAZZINI Nossa equipe de opinião. Envie seu texto, ele pode sair nos nossos jornais.

Os ‘puros’

A ideia do ex-governador gaúcho Tarso Genro de lançar um partido com os ‘puros’ do PT tem ganhado força com a ponte para pular etapas. Como ficou claro para ele que seu grupo político quer disputar eleições em 2018, vislumbra ajudar a deputada Luiza Erundina (PSOL, ex-petista) a concretizar o Partido Raiz, já registrado e [...]

Leandro Mazzini

A ideia do ex-governador gaúcho Tarso Genro de lançar um partido com os ‘puros’ do PT tem ganhado força com a ponte para pular etapas. Como ficou claro para ele que seu grupo político quer disputar eleições em 2018, vislumbra ajudar a deputada Luiza Erundina (PSOL, ex-petista) a concretizar o Partido Raiz, já registrado e em avançada coleta de assinaturas pelo País.
Desafio cruel
Há duas listas no Planalto: os nomes (políticos) que querem o Ministério da Justiça e são rejeitados por Michel Temer. E os que o presidente quer, mas dele desdenham.
Vida nova, mas..
Desafio no orçamento do Ministério da Justiça: O Programa de Proteção a Testemunhas tem casas em três capitais. Muitos querem denunciar, mas não topam a mudança.
Olho nele
Há um esforço discreto no Governo para tirar do cargo o presidente do conselho da Dataprev, Francisco Monteiro, o Chico Picadinho, por ser ligado ao PT.
Lobby
O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, ordenou reforço da segurança e rigor na averiguação de visitantes em dias de sessões da comissão especial da proposta de reforma da Previdência. Mas, por ora, só valeu para o povo: as reuniões estão repletas de representantes de empresas de previdência privada.
Operação Previdência
Maia pediu ao governador Rodrigo Rollemberg reforço da segurança na Esplanada no dia 16 de março, data da apresentação do parecer do relator da reforma, Arthur Maia (PPS-BA). Centrais sindicais se movimentam para lotar o gramado do Congresso.
Terceirização a jato
Os empresários que defendem a regulamentação da terceirização, já aprovada no Senado, reuniram-se com o presidente do Congresso, Eunício Oliveira, para pedir um apoio na tramitação na Câmara: que o projeto passe em decisão terminativa na CCJ.
Sem cadastro
A ideia do ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, de atrair estrangeiros para compra de terras extensas no Brasil esbarra num déficit administrativo de décadas: a AGU não tem o cadastro até hoje de quem são os estrangeiros que já compraram terras aqui.
Anjos e...
De Carlos Velloso, que recusou o cargo de ministro da Justiça: “Os juízes são homens, não são anjos”. Em 2004, no TSE, foi relator do processo contra o então governador do DF, Joaquim Roriz. Votou contra a cassação do ex-senador.
Saci do Maggi
Torcedor do Internacional gaúcho, que caiu para a 2ª divisão, o ministro da Agricultura. Blairo Maggi, tem uma estatueta de um saci (símbolo do torcedor) na mesa. De raiva, vira a imagem de costas para ele. Mas a faxineira insiste em colocá-lo na posição frontal
Prévia da guerra
Do senador Lindbergh Farias (PT-RJ), que circulou efusivo pelo Senado, com resultado da pesquisa CNT que apontou queda da popularidade do presidente Temer e a liderança de Lula da Silva: “Vamos voltar! É o Lula que teremos em 2018”.
Apadrinhar
O projeto Apadrinhar, criado no Rio em 2014, vai lançar campanha para apoio da população a crianças. O Apadrinhar já atende 200 em 14 instituições. A maioria dos atendidos tem mais de 7 anos de idade, fase em que a chance de adoção é muito remota.
Contra o tempo
As legendas correm contra o tempo para criar campanhas de mídia que incentivem a filiação de mulheres. O TSE cassou o horário de TV de nove partidos.
Ponto Final
“Às vezes até se pensa, com ironia, que o documento que o trabalhador brasileiro usará para requerer o benefício da aposentadoria será o atestado de óbito. Precisamos pensar de forma urgente o que fazermos, já que o Congresso quer rasgar
nossa Carta Magna.”
Do conselheiro da OAB Everaldo Patriota (AL), presidente da Comissão Nacional de Direitos Humanos da entidade.

Leave a Reply

Serão rejeitadas mensagens que desrespeitem a lei, apresentem linguagem ou material obsceno ou ofensivo, sejam de origem duvidosa, tenham finalidade comercial ou não se enquadrem no contexto do d24am.com. A responsabilidade pelos comentários é exclusiva dos respectivos autores.